FANDOM


Lilith


Não tenha medo. Nós vamos salvar o mundo

Características Pessoais

Nome: Lilith

Títulos: O Primeiro Demônio.

Idade: Centenas de milhares de anos

Sexo: Feminina

Espécie: Demônio.

Classificações: Demônio de olhos Brancos, Rainha do Inferno,

Obra: Supernatural

Sobre

Lilith era um poderoso demônio de olhos brancos e o primeiro demônio que Lúcifer criou, além de ser o selo final dos 66 Selos que tiveram de ser quebrados para que ele fosse libertado de sua jaula. Ela foi presa no inferno até maio de 2007, quando escapou e facilmente derrotou vários demônios rivais para assumir a posição anterior do falecido Azazel como líder do exército de demônios que ele tinha desencadeado ao lado dela. Lilith liderou este exército na Terra e comandou o resto das forças do Inferno na Guerra dos Selos contra a Hóstia do Céu. Ela foi responsável pela destruição de sessenta e seis selos guardando a gaiola de Lucifer em 2008, terminando com ela permitindo que Sam Winchester a matasse e libertando Lucifer em 2009.

Mentalidade

Inteligência: Alta (Viveu por milhares de anos)

Ficha de Combate

Dimensionalidade: 3D

Ataque: No mínimo Cidade (Era a superior de Alastair, e Sam precisou beber uma quantidade de sangue e concentração muito maior para poder matar-la. Referida como o Demônio mais poderoso criado por Lucifer, fazendo ela superior a até mesmo Azazel e outros príncipes do inferno que são muito superiores a Castiel Serafim)

Velocidade: Relativística (No mínimo 3,8%c; Superior a Alastair)

Força: Classe kN (Superior a Castiel, que com facilidade levanta bigornas)

Defesa: No mínimo Cidade

Vigor: Infinito

Alcance: Planetário

Fraqueza(s): Nenhuma

Poderes

Características Físicas Sobre-Humanas, Imortalidade (Tipo 2 e 11), Possessão, Manipulação da Alma, Regeneração (Rank K), Sentidos Sobre-Humanos, Incorporalidade, Telepatia, Teletransporte, Telecinesia, Fotocinese, Pirocinese, Manipulação do Clima, Pode matar seres Incorpóreos.

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.