FANDOM


Elfenlied

Sumário

Elfen Lied (エルフェンリート, Erufen Rīto?) Lit. Canção Élfica é uma popular série de mangá criada por Lynn Okamoto e sua adaptação em anime dirigida por Mamoru Kanbe. Ambos os formatos são sobre a espécie diclonius, uma mutação do ser humano com chifres, e sua relação violenta com o resto da humanidade. O mangá começou a ser serializado em junho de 2002 na revista semanal Young Jump, e alguns meses depois a editora Shueisha começou a compilar os capítulos e publica-los até o seu término em agosto de 2005 no seu décimo segundo volume tankōbon.

Devido ao grande sucesso obtido ganhou uma adaptação em anime, que começou a ser transmitido em 25 de julho de 2004, quando o mangá ainda estava inacabado, por isso, a história de ambos os formatos diverge a partir do volume 7 do mangá e o episódio 12 do anime, que abrange a história publicada até aquele momento, depois oferece um resultado completamente diferente do que seria escrito para o mangá um ano após a conclusão do anime. Em 21 de abril de 2005 foi lançado um OVA que cuja história se passa entre os episódios 10 e 11 do anime.

Elfen Lied é destinado ao público adulto dado o número de cenas de nudez, gore e violência física e psicológica que apresenta, sendo principalmente classificado em gêneros de terror e drama. O nome Elfen Lied, pronunciado [ˈɛlfən liːt], em alemão significa "Canção Élfica". Sua origem é o lied "Elfenlied" do compositor austríaco Hugo Wolf, baseado no poema homônimo do escritor alemão Eduard Mörike.

Terminologia

Elfen-Lied-Hot-Anime-Japon-s-Art-Silk-Poster-Quarto-Decora-o-2950.jpg 640x640

5eee413b6cf18985b0459b5ee4be59ff

Diclonius: Os Diclonius são uma espécie recém-evoluída, muito semelhante aos humanos normais, mas possuindo habilidades psicocinéticas muito além de qualquer Humano. Por razões que podem ser tanto culturais quanto biológicas, elas freqüentemente estão em desacordo com os seres humanos a ponto de ameaçar substituí-las como espécies sencientes dominantes da Terra.

As diferenças que separam os Diclonius dos humanos são internas e externas. A diferença mais notável é o chifre na seção parietal de seus crânios. Na maioria das vezes, esses chifres lembram orelhas de gato de certos ângulos. Esses chifres são uma mistura de osso e cartilagem. O mangá afirma que os Diclonius caem em coma temporário se perder um de seus chifres, e nunca retornaria de seu estado letárgico se perdesse os dois chifres. No entanto, os chifres de Lucy voltaram a crescer duas vezes: em questão de meses pela primeira vez, depois por vários dias pela segunda vez.

Outra diferença notável entre eles e os humanos são as cores dos cabelos e dos olhos, embora essa diferença varie de mangá a anime. No mangá, Diclonius possuem cores de cabelo de muitos tons diferentes, de rosa a roxo e loiro, e todos possuem olhos verdes. No anime, no entanto, suas cores de cabelo são mais unificadas, sendo uma variedade de tons de rosa. Da mesma forma, as cores dos olhos são variantes de vermelho que podem variar de vermelho muito escuro a quase rosa. Esta mudança de design de mangá para anime foi mais provavelmente escolhida para fazê-los parecer mais obviamente alienígenas de humanos.

Os diclonius têm a capacidade inata de detectar um ao outro, como quando Kurama liberou Nana do laboratório offshore para procurar e recuperar Lucy. Até mesmo essa habilidade tinha limites, já que ela não podia sentir seu alvo quando estava em sua personalidade infantil Nyu, nem podia sentir os clones de Mariko quando eles estavam sob as restrições de controle colocadas sobre eles por Nousou e o agente durante seu ataque à Maple House. . Da mesma forma, a presença de Nyu não poderia ser sentida por outros Diclonius.

Vetores: Os vetores são "braços" invisíveis, telecinéticos em natureza e origem, que a maioria dos diclonius parecem possuir. Eles são os principais meios de defesa de Diclonius e, mais comumente, ofensivos contra humanos. No entanto, acredita-se que sua verdadeira função não é matar, mas infectar seres humanos com o vírus Diclonius, como apontado por Kurama.

Status

Autores: Lyn Okamoto

Classificação: Seinen

Gêneros: Fantasia científica, Terror psicológico, Romance

Número de Lançamentos: 12 Volumes

Classificação Indicativa: 16 anos

Mascote(s):

Supervisores:

Personagens

Diclonius

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.